terça-feira, 16 de março de 2010

1797) Para que serve o Cinema (12.12.2008)



Para que um garoto de dezenove anos pegue o trem para a cidade grande e não desça nem para comprar leite. Para que um figurante sertanejo carregue na cabeça uma pedra que não é de papelão. Para flutuar no céu com uma corda presa ao pé. Para assistir a sessão das 15:30, ir em casa jantar, e depois assistir a das 19 e a das 21. Para gostar tanto de trailers que o começo do filme seja visto como um anticlímax. Para ser barrado num “filme 18 anos” e ficar duas horas na praça esperando que os amigos saiam e digam como foi.

Para a gente ver o quanto a beleza das mulheres independe da época e das roupas. Para a gente se flagrar torcendo pelo bandido. Para que duas pessoas passem uma noite inteira tentando lembrar o nome de um filme cujas cenas não esqueceram. Para que as guerras pareçam um confortável conflito entre heróis indestrutíveis e nítidos vilões. Para colecionar fotos de diretores e de atrizes, cartazes, canhotos de ingressos, figurinhas, fichas técnicas. Para podermos espionar a vida íntima de gigantes por um buraco retangular de fechadura. Para assobiar pro urubu da Condor.

Para a gente saber q